Foto noturna de uma cidade

  • Artigos fornecidos por "www.nightview.co.kr"

Astrofotografia

  • Escrito e fotografado por Jaehong Chung (Alcunha: pimpman)


Embora a astrofotografia seja um campo muito especializado da fotografia, poderia ser considerada uma subsecção da fotografia nocturna, uma vez que a maior parte das fotografias é tirada à noite. No entanto, também existem astrofotografias tiradas durante o dia, como por exemplo fotografias do sol ou da lua no céu da manhã. Essencialmente, existem dois tipos principais de técnicas de astrofotografia, com base na utilização de um tripé fixo e na fotografia orientada.
Em resumo, a técnica de fotografia orientada envolve simplesmente tirar fotografias de um aglomerado de estrelas, nebulosa, planeta ou objecto de Messier seguindo o objecto cuidadosamente utilizando uma exposição longa. Este é conhecido como o método "rolante". Por outro lado, pode utilizar-se um telescópio e uma câmara para tirar uma fotografia (o método indirecto ou foco principal). Por fim, também é possível tirar fotografias utilizando um telescópio equatorial ou um telescópio astronómico em vez da nossa câmara portátil. A fotografia orientada é um campo com o qual o público em geral não está familiarizado. Então, centremo-nos apenas na fotografia com tripé fixo.
O método de fotografia com tripé fixo envolve fixar uma câmara a um tripé para fotografar um objecto no céu. Para a técnica de tripé fixo, existe o método de foco fixo e o método de movimento diurno. Devido à rotação terrestre, percepcionamos as estrelas como estando à deriva e a flutuar no céu. Uma vez que a terra roda 360 graus uma vez por dia, move-se 15 graus por hora. Assim, do nosso ponto de vista, também vemos as estrelas à noite moverem-se 15 graus por hora na direcção oposta. O método de foco fixo utiliza uma exposição curta para tirar uma fotografia de uma estrela que parece mais um ponto do que um fluxo de luz, deixando um rasto atrás de si. É possível tirar fotografias de várias estrelas e constelações, e até certo ponto da Via Láctea, utilizando este método.
Partindo do princípio que está a utilizar uma câmara de 35 mm, uma câmara equipada com uma objectiva padrão de 50 mm pode tirar uma fotografia de uma estrela imóvel durante 15 segundos (a uma declinação de 0 graus). Quanto mais larga for a objectiva, mais amplo se torna o ângulo de visão, resultando no aumento do tempo de exposição. Por outro lado, quanto mais potente for a objectiva telefotográfica que utilizar, mais estreito se torna o ângulo de visão, resultando num tempo de exposição mais reduzido.
O método de movimento diurno utiliza uma exposição longa para tirar a fotografia de uma estrela que deixa um rasto atrás de si. Ao utilizar este método, é melhor incluir na fotografia um elemento paisagístico, tal como um edifício, montanhas, cenário de fundo, em vez de captar apenas as estrelas. As boas fotografias também dependem da direcção do rasto da estrela, da velocidade e de outros factores em consideração. As estrelas no hemisfério norte rodam no sentido contrário ao dos ponteiros do relógio de Este para Oeste com a Estrela do Norte no centro. Quanto mais perto estiverem a rodar em direcção à Estrela do Norte, mais lentamente parecerão rodar e vice-versa, quanto mais afastadas estiverem do centro, mais rapidamente parecerão rodar. Ao tirar uma astrofotografia, também poderá beneficiar da aprendizagem relativa a várias constelações e à observação do céu nocturno. Deverá ser mais interessante tirar fotografias de cometas ou meteoros (estrelas cadentes) utilizando o método de movimento diurno.

Astrofotografia

O fascinante festival da noite – fogo de artifício

  • Escrito e fotografado por Jungdae Kim (Alcunha: danny)

O fascinante festival da noite – fogo de artifício

O fascinante festival da noite – fogo de artifício

A essência da fotografia nocturna - Fotografias intermutáveis (IC, Interchange)

  • Escrito e fotografado por Jungdae Kim (Alcunha: danny)

A essência da fotografia nocturna - Fotografias intermutáveis (IC, Interchange)

O novo ponto focal da paisagem de Seul - Uma vista nocturna de Hangang

  • Escrito e fotografado por Yongmin Lee (Alcunha: mutro)

O novo ponto focal da paisagem de Seul - Uma vista nocturna de Hangang

O novo ponto focal da paisagem de Seul - Uma vista nocturna de Hangang

Iluminar a flor de cerejeira - Fotografias nocturnas da flor de cerejeira

  • Escrito e fotografado por Heonguk Son (Alcunha: Sonddadadak)

Iluminar a flor de cerejeira - Fotografias nocturnas da flor de cerejeira

Iluminar a flor de cerejeira - Fotografias nocturnas da flor de cerejeira

Fotografias de rastos tiradas em interiores – Movimento pendular

  • Escrito e fotografado por Heonguk Son (Alcunha: Sonddadadak)

Fotografias de rastos tiradas em interiores – Movimento pendular

Fotografias de rastos tiradas em interiores – Movimento pendular

Um rasto de luz a rasgar o silêncio da noite

  • Escrito e fotografado por Minseok Son (Alcunha: hooligan)

Um rasto de luz a rasgar o silêncio da noite

Um rasto de luz a rasgar o silêncio da noite

O culminar da paisagem urbana nocturna - Edifícios

  • Escrito e fotografado por Yui-jeong Choi (Alcunha: hongdangmu)

O culminar da paisagem urbana nocturna - Edifícios

Compre: Categorias Mais Requisitadas